terça-feira, 24 de março de 2015

HOJE É O DIA MUNDIAL DE COMBATE À TUBERCULOSE


Uma série de ações de saúde alusivas ao Dia Mundial de Combate à Tuberculose, que transcorre hoje, dia 24 de março, será levada a efeito pela Clínica da Família Maria do Socorro Silva e Souza (CFMSSS), na Rocinha, onde há inúmeros casos registrados e acompanhados. A tuberculose é doença contagiosa que ataca principalmente o pulmão. É transmitida pelo ar, especialmente em locais fechados e sem ventilação ou onde há grande aglomeração de pessoas.
Embora seja considerada um dos principais problemas de saúde pública no mundo, a tuberculose, que é provocada pelo Bacilo de Koch, tem alto potencial de cura. De conformidade com a literatura médica, a bactéria recebeu esse nome em homenagem ao seu descobridor, o médico alemão Robert Koch.

A principal dificuldade para o controle da doença no mundo reside na desinformação das pessoas que muitas vezes resistem em procurar ajuda. Os principais sintomas da tuberculose são tosse persistente por mais de três semanas, com produção de catarro, febre sempre no final da tarde e suores noturnos intensos.
Um dos principais métodos de identificação do contágio, que se dá através de gotículas de saliva contaminada pelo bacilo, é através do exame de escarro (baciloscopia), que pode ser feito na rede pública de saúde, responsável pelo tratamento dos casos identificados.
O tratamento recomendado pelas Organização Mundial de Saúde é o supervisionado (DOT) onde as pessoas contaminadas são acompanhadas diariamente pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) em saúde em suas casas, onde recebem a medicação. A cura se dá, em média, depois de seis meses ininterruptos de tratamento. Para pessoas diabéticas ou portadoras do HIV a duração do tratamento dura, no mínimo, nove meses.

Em hipótese alguma o tratamento pode ser interrompido antes desses prazos, sob risco do bacilo tornar-se resistente aos medicamentos usados, o que pode dificultar a cura e até, em alguns casos, levar o paciente ao óbito.
Os ambientes mais favoráveis à tuberculose são lugares úmidos e sem ventilação, locais fechados ou com muitas pessoas juntas. Se você tem tosse persistente há mais de três semanas, tem febre baixa toda tarde e se tem suores intensos e inexplicáveis à noite, procure uma unidade de saúde pública próxima de sua casa. Na Rocinha, procure a Clínica da Família Maria do Socorro Silva e Souza, na Curva do “S”, 522 ou qualquer uma das unidades de saúde da área. O tratamento é gratuito.





0 comentários:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós. Obrigado e volte sempre

Contato

Fale Conosco

Entre em contato com nossa unidade, fale com nossos profissionais e tire suas dúvidas quanto aos nossos programas

Endereço

Estrada da Gávea, 522 - Rocinha, Rio de Janeiro - RJ, Cep:22451-264

Funcionamento

De Segunda a Sexta das 08h às 20h | Sábado das 08h às 12h

Telefone

(21)3322-6694 / 97220-2793 / 99824-0927

Tecnologia do Blogger.